Navigation-Menus

Vagas Para (09) Gestores de Casos (m/f)


A CBE pretende recrutar 09 profissionais para ocupar a posição de Gestor de Caso, para seu Parceiro do Projecto (ECHO) Eficiências para o Resultado Clínico do HIV, financiado pela USAID. O ECHO é um projecto de 209 milhões de dólares americanos, para apoiar a realização do controlo da epidemia do HIV/SIDA pelo Governo de Moçambique e, o estabelecimento de uma resposta sustentável liderada pelo governo, até 2024 nas províncias onde a USAID é o principal parceiro de apoio clínico. Os objectivos do projecto incluem o fortalecimento dos serviços essenciais de saúde pública para o controlo da epidemia do HIV a níveis nacional, provincial e distrital para garantir a sustentabilidade da resposta ao HIV a longo prazo, alcançando e mantendo 95% de cobertura do tratamento e supressão viral em regiões geográficas designadas, assegurando que Moçambique esteja a utilizar as evidências mais recentes para a rápida escalada e manutenção de intervenções eficazes para o HIV e, fornecendo ao Governo de Moçambique dados, resultados medidos e recomendações necessárias para tomar decisões-chave de Recomendações necessárias para tomar decisões-chave de prestação de serviços.

Funções

  • Ligação dos utentes às USs;
  • Estabelecer ligação entre os utentes e US através dos Activistas;
  • Elaborar um plano de trabalho semanal/mensal;
  • Educação para saúde (Palestra) na unidade sanitária;
  • Orientação em grupo para testagem;
  • Pedir o livro de marcação de consultas junto ao clínico e identificar os doentes marcados para o dia seguinte;
  • Efectuar o levantamento dos processos clínicos no arquivo;
  • Levantar os cartões do Ficheiro Móvel (pré-TARV e CCR);
  • Organizar os processos deixar na mesa do Clínico;
  • Elaborar em coordenação com o clínico/Enf. de SMI, PF de PNCT a lista de faltosos e/ou abandonos;
  • Apoiar o processo de arrumação de FILAs e extração de faltosos e abandonos aoTARV através do controle dos FILAs;
  • Enquanto o clínico está a fazer a consulta, o GCC vai recebendo os doentes e encaminhá-los;
  • Apoio na actualização do livro de GAACs;
  • Terminada a consulta e após o lançamento dos processos nos livros, o GCC recolhe para devolver ao arquivo;
  • Verificar se no cartão está marcada a data da próxima consulta, caso não solicitar que o clínico marque no cartão;
  • No final da semana (6f) entregar a lista definitiva de pacientes faltosos e abandonos; aos activistas para busca consentida mediante o visto do clínico/Enf. SMI, PNCT, Médico ou Ponto Focal de APSS;
  • Efectuar chamadas a pacientes activos marcados para levantamento de ARVs, com CV não suprimida, faltosos e abandonos;
  • Monitorar se os doentes encontrados e aconselhados voltaram a US em coordenação com os activistas baseados na comunidade;
  • Dar assistência técnica para implementação da estratégia GAAC segundo as diretrizes do MISAU e outros grupos de apoio;
  • Em colaboração com a equipas clinicas e da farmácia, organizar o fluxograma dos pacientes para o levantamento trimestral dos ARVs ;
  • Distribuir material IEC;
  • Apoiar as USs para referir utentes para os diversos serviços de apoio;
  • Reforçar o APSS & PP aos pacientes com risco de adesão, faltosos e abandonos;
  • Executar todas as tarefas que forem indicadas pelo seu superior hierárquico.

Qualificação e Habilidades

  • Nível básico (10ª Classe ou equivalente);
  • Mínimo de um (1) ano de experiência na área de saúde comunitária ou na área do género constitui vantagem ;
  • Experiência em actividades de saúde e mobilização comunitária;

Habilidades de linguagem

Fluência verbal e escrita em Português e lingual local.

Localização: Sofala: Ponta Gea, Munhava, Nhaconjo, Mutindire, Sena, Dondo sede, Marromeu, Lamego, HR Nhamatanda 

Como se Candidatar

Os interessados devem submeter as suas candidaturas (Curriculum Vitae, Carta de Manifestação de interesse e Certificados) com o título da vaga Gestor de Caso e indicar a unidade sanitária, na linha do assunto através do endereço de e-mail: operations@echomoz.org até o dia 07 de Março de 2022. Desencorajamos submissão de candidaturas que não reúnam requisitos. 

Apenas os candidatos que reunirem os requisitos necessários serão contactados.

close