Navigation-Menus

Vagas para Seis (06) Agentes de Campo


A Counterpart International pretende recrutar para o seu quadro de pessoal seis (6) Agentes de Campo para o Programa McGovern-Dole International Food for Education and Child Nutrition que visa reduzir a fome e melhorar a alfabetização e nutrição entre alunos em idade escolar, especialmente raparigas, financiado pelo USDA em Moçambique.

Descrição

Com o apoio e sob a supervisão do Gestor do Programa,  ele/ela ajudará na implementação e monitoria de todas as actividades do projecto na sua área de competência, trabalhando directamente com parceiros locais e membros da comunidade. Ele assegurará o estabelecimento e funcionamento adequado de cozinhas escolares, actividades de aprendizagem e educação, capacitação e mobilização social, higiene, saúde materna e actividades de nutrição, bem como gestão alimentar e outras actividades do projecto. Esta é uma posição a tempo inteiro baseada na Província de Maputo concretamente nos distritos de Moamba e Magude. O candidato deve ser nacional de Moçambique ou ter o direito legal de trabalhar/residir em Moçambique. Ser igualmente residente no destrito para onde vai se candidatar.


Responsabilidades

  • Ajudar na coordenação, implementação, controlo e supervisão dos planos e actividades diárias em todas as escolas designadas;
  • Assegurar a recolha, verificação/validação e transmissão de relatórios das escolas e outros sítios designados para si;
  • Efectuar um inventário físico mensal de cada escola sob sua responsabilidade;
  • Informar os supervisores imediatos e o gestor do projecto de qualquer perda ou outra dificuldade encontrada no terreno;
  • Participar em reuniões mensais de coordenação e acompanhamento das actividades no terreno;
  • Apresentar um plano de trabalho mensal ao supervisor directo;
  • Fornecer ferramentas de recolha de dados nas escolas;
  • Apoiar as estruturas e comunidades beneficiárias para uma boa gestão, acompanhamento e avaliação dos projectos;
  • Supervisionar pelo menos duas vezes por mês a implementação das actividades e a recolha de dados em cada escola e outro local atribuído (através de visitas, entrevistas, etc.);
  • Apresentar um relatório mensal de supervisão ao supervisor directo;
  • Ajudar o conselho escolar e os professores a criar quadros de consulta favoráveis à implementação e ao acompanhamento das actividades;
  • Facilitar reuniões regulares com membros da comunidade e do conselho escolar;
  • Fornecer feedback sobre a implementação, monitorização e avaliação e servir como pessoa de recurso para resolver problemas indentificados no campo;
  • Participar em inquéritos realizados no âmbito deste programa;
  • Assistir o Gestor de Mercadorias e Alimentação Escolar na elaboração do relatório mensal do inventário alimentar;
  • Realizar qualquer outra tarefa exigida pelo gestor directo.

Requisitos

  • Possuir uma Licenciatura em área relacionada e ter um (1) ano de experiência de trabalho ou voluntariado no desenvolvimento e mobilização comunitária;
  • Ter concluído o ensino secundário e ter três (3) anos de experiência de trabalho ou de voluntariado no desenvolvimento e mobilização comunitária;
  • Será dada forte preferência aos candidatos que vivem ou são dos distritos onde o projecto será implementado (Manhiça, Magude, Moamaba e Matutuine);
  • A experiência no domínio da educação básica, em particular na gestão de alimentos, seria uma mais-valia;
  • Ter uma carta de condução de motociclos válida;
  • Ser capaz de trabalhar no campo e conduzir motociclos em estradas rurais;
  • Ter experiência de trabalho com estruturas comunitárias, comités escolares e cozinhas de escolas;
  • Experiência em parceria com distritos na área da educação, bem como estruturas descentralizadas, seria uma vantagem;
  • Conhecimentos informáticos necessários;
  • Experiência em comunicação e educação de adultos;
  • Demonstrar capacidade de ser independente, por exemplo, trabalhar com um mínimo de supervisão, exercer julgamento, cumprir prazos e trabalhar sob pressão;
  • Possuir fortes capacidades de organização e de resolução de problemas;
  • Fluente em português, Changana ou Ronga e deve falar e escrever em Inglês;
  • Possuir um bom conhecimento das regiões onde o projecto opera.

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Candidatura.

Nota: Candidatos interessados, devem endereçar o seu CV apenas por e-mail com título “Agente de Campo – Nome do Distrito” em formato “PDF”.

Processo de Candidatura

Email: hr.mzMGD@counterpart.org


Validade: 12/10/2021

Local: Maputo

Níveis: Licenciatura

Regime: Estágio

Post a Comment

0 Comments