Navigation-Menus

Vagas Para (04) Gestores De Casos


A JOS-SOAL
pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um/a (04) Gestores de Casos  distrital para Mossorize e Machaze.

1 Gestor de Caso TB distrito de Machaze;

3 Gestores de Retenção ( 1 Machaze e 2 Mossorize)

Descrição Geral

A JOS-SOAL ( associação de Jovens da Soalpo), uma ONG nacional que trabalha em prol da educação e saúde com sede na província de Manica, é parceira da Pathfinder Internacional no programa de Reforço da Adesão e Retenção dos pacientes em tratamento para HIV e Tuberculose através de intervenções comunitárias

CENTRO DE COLABORAÇÃO EM SAÚDE (CCS)

 

TERMOS DE REFERÊNCIA/DESCRIÇÃO DE TAREFAS

 

Título Posição:

 

Gestor de caso

 

Localização (Distrito)

 

US

 

Superior

Hierárquico:

 

Supervisor Distrital

 

Regime de trabalho

(integral ou parcial):

 

Integral


DESCRIÇÃO DO TRABALHO

 

Projeto: Reforçando a resposta ao HIV e TB em Moçambique

 

O projecto visa fortalecer a ligação entre a Comunidade e a Unidade Sanitária através de acções que contribuam para a reintegração de pacientes perdidos e o aumento da retenção dos pacientes em tratamento para a Tuberculose, contribuindo deste modo para redução do fardo da TB no país.

Posição Objetivo

O Gestor de casos é responsável pela implementação e monitoria das actividades de ligação entre Unidades Sanitárias (US) e a Comunidade. Trabalha diariamente em estreita ligação com os responsáveis dos diferentes actores da US (TB, ATS, APSS, C&T e SMI-CCR) facilitando a recepção e encaminhamento dos pacientes
referidos da comunidade.

Principais Responsabilidades

  • Ser o representante do CCS na US;
  • Em coordenação com o Ponto Focal de APSS e TB da US, verificar a assiduidade de todos actores comunitários do CCS nos diferentes sectores da US e monitorar a operacionalização dos seus planos diários;
  • Extração, triangulação e distribuição das Listas de pacientes no APSS aos actores comunitários
  • Liderar o processo de geração de listas semanais de pacientes faltosos e abandonos ao nível dos sectores de TARV, SMI-CCR extraídos manualmente e cruzar com Ficha mestra, FILA da farmácia e o livro de chamadas e visita domiciliar da US;
  • Elaborar semanalmente as listas dos pacientes novos inícios, em risco de adesão e faltosos e abandonos ao TARV e disponibilizar ao supervisor de campo ou activista de HIV/TB da área de saúde da U.S (com o conhecimento do supervisor distrital) para realizar-se o seguimento preventivo e reintegração;
  • Providenciar as listas semanais de casos índices TB e TB/HIV aos supervisores de campo ou activistas de TB para a realização de rastreio de contactos;
  • Providenciar as listas semanais de pacientes TARV faltosos e abandonos e entregar aos supervisores de campo ou activistas de HIV para garantirem a distribuição aos activistas de modo a realizarem as visitas de reintegração.
  • Assegurar a recepção de todos os pacientes faltosos e abandonos referidos da comunidade para US e verificar a concordância entre a guia de referência emitido pelo activista com os registos dos livros de chamadas telefónicas e visita domiciliar da us, livro de VD do ACS e o resumo mensal do ACS;
  • Apoiar as US na implementação do fluxograma de recepção e reintegração de pacientes retornados à US através do preenchimento do livro de Gestor de Caso e controlo das guias de referência contra referência, garantindo o seu arquivo na pasta disponível na US;

 Tarefas em outros Sectores

  • Orientar pacientes TARV referenciados da comunidade para o Apoio Psicossocial;
  • Participação regular em encontros multidisciplinares de coordenação para os diferentes serviços de acordo com guia de referência e contra referência;
  • APSS;
  • Apoiar os conselheiros leigos no reforço do APSS dos pacientes em seguimento nos MDS com fraca adesão ao TARV (avaliar adesão ao TARV de forma individual ou grupal);

Requisitos Básicos

  • Ter mínimo de 12 classe de escolaridade;
  • Ter domínio das temáticas de HIV e TB desde formas de transmissão, prevenção e tratamento;
  • Saber ler e escrever em Português;
  • Saber falar a (s) língua (s) local (ais) do distrito ou província onde estiver inserido constitui uma vantagem;
  • Ser membro da comunidade onde vai trabalhar;

Qualificações Adicionais

Estar envolvido em ações voluntárias na comunidade;
  • Saber preencher fichas de M&A ;
  • Saber fazer leitura de livros de registos da U.S (livro de chamadas telefónicas e livro de visitas domiciliárias);
  • Conhecer o fluxo de atendimento dos serviços de HIV, TB, SMI e outros relacionados na U.S;
  • Conhecer os algoritmos de testagem. APSS, seguimento das mulheres grávidas e rastreios de TB;

Qualidades do gestor de Caso

  • Ter flexibilidade para criar boas ligações com pessoal de saúde interno das U.S;
  • Ser comunicativo, proactivo ;
  • Saber comunicar com pessoas que visitam a US sem discriminação;
  • Ser idóneo, aceite e reconhecido pela comunidade;
  • Ter boa ligação com os líderes comunitários e
  • Ser uma pessoa que inspira respeito desde o activistas ao pessoal de saúde.

Experiência exigida

Ter trabalhado como activista em actividades de HIV ou TB constitui uma vantagem;

Exigências

  • Curriculum Vitae;
  • Carta de Manifestação de Interesse ;
  • Certificados;
  • Referências
Nota: Candidatos interessados deverão submeter em envelope fechado e físico os seus documentos no endereço abaixo ou por e-mail.
Local: Chimoio

Endereços:

Província de Manica, cidade de Chimoio, Soalpo – na rotunda proximo ao tanque da FIPAG, bairro 1º de Maio, por de trás do Campo de futebol da Textáfrica

Validade: 23/07/2021

AVISO LEGAL:


A JOS-SOAL NÃO FAZ NENHUM TIPO DE COBRANÇAS EM QUAISQUER DAS FASES DO PROCESSO DE RECRUTAMENTO E NÃO PROCEDE POR VIA DE AGENTES DE RECRUTAMENTO.

Post a Comment

0 Comments